Skip links

Onde você está na Era da Revolução Digital?

A história da humanidade é marcada por vários momentos de grande transformação, muitas ideias foram consideradas loucas na sua época até se mostrarem um caminho sem volta. Estamos na indústria 4.0 e nossas vidas e negócios são impactados pela tecnologia em uma velocidade nunca vista antes. E você, está em que passo nessa transformação?

De 1760 a 1840 a humanidade passou pela primeira revolução que marcou a indústria, com a introdução da mecanização, energia a vapor e energia hidráulica. Entre 1850 e 1945 veio a indústria 2.0, com a inserção da produção em massa, linha de montagem e eletricidade. Na sequência, entre 1950 a 2010 tivemos a indústria 3.0, com automação, computadores, uso da eletrônica e informática. Hoje estamos na indústria 4.0, um grande marco de revolução e transformação digital que nos trouxe robôs autônomos, simuladores, sistemas integrados, internet das coisas, computação em nuvem, cibersegurança, impressão 3D, realidade virtual e aumentada, criptomoedas (Bitcoin e outras), blockchain, além de big data (ou talvez podemos considerar infinity data, já que a geração de informação não tem limite).

Nunca em nossa história tivemos tantas grandes transformações e disrupções em modelos de negócio e indústrias tradicionais como está acontecendo nos últimos anos.

A impressão 3D que surgiu recentemente, já é usada para imprimir peças de turbinas de avião e pele humana para tratar queimaduras. A realidade virtual e aumentada além de permitir a criação de novas experiências em jogos, está mudando desde a forma como empresas de arquitetura e decoração entregam seus projetos a clientes, até o modo como é usada para criar ambientes imersivos para tratamentos psicológicos. Outras indústrias, como a alimentícia, também sofrem grandes transformações com startups como a Impossible Foods e a Memphis Meats, que buscam respectivamente criar e replicar carne a partir de algas, plantas e células de animais, gerando uma forma mais sustentável para continuarmos a ter em um futuro próximo esses tipos de alimentos. Isso apenas para citarmos algumas das inúmeras ideias e negócios acontecendo e buscando se aproveitar das novas tecnologias.

Muitas dessas ideias podem parecer loucura, mas quando olhamos no trajeto de nossa história, temos exemplos considerados “loucos” e que mais tarde se tornaram importantes para a evolução de um segmento inteiro, como a criação da vitrola no século XIX. No início a única forma de ouvir música era ter um piano e saber tocar, a vitrola trouxe facilidades para ouvir música, além de exigir um espaço menor. Ainda assim muitos não acreditavam que daria certo. Na evolução da música ainda passamos por discos de vinil, fitas e CDs até chegarmos nas mídias digitais no fim da indústria 3.0. Nessa época, Napster entre outras ferramentas já mostravam que o caminho não era mais o meio físico como o CD, mas sim o digital, com as pessoas criando suas listas de música de acordo com suas preferências. Novamente algumas pessoas e inclusive a indústria da música não acreditaram nesse movimento e tentaram pará-lo, porém a tendência era clara e era o que as pessoas queriam. Bastou mais alguns anos para que a Apple com o iTunes e mais tarde o Spotify mostrassem isso a todos, que o movimento e a tendência eram um caminho sem volta.

A velocidade com que as coisas estão acontecendo hoje é incrível e muito mais rápida do que a evolução da música, e por isso não podemos parar.

O que parece algo inacreditável para você hoje, mas está entre fortes tendências no seu mercado?

Quais tecnologias e movimentos em meio a toda essa transformação são claros como a música disponível no seu celular hoje?

Ou você ainda acredita que para ter música em casa é necessário ter um piano?

Não fique para trás, a Oguini pode colaborar na preparação da sua empresa para que você transforme seu futuro!

Clique aqui e saiba mais.